segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

Resgatando a beleza do Campeonato Carioca


Fluminense e Vasco fizeram uma final com praticamente tudo o que se espera de uma decisão. Dentre os "aperitivos" presentes dentro de campo, um dos principais era o fato do time tricolor ter se classificado com a pior campanha dos 4 grandes do Rio e o Vasco, que até então estava com 100% de aproveitamento, ter dado uma "mãozinha" para o Fluminense se classificar, até por que não seria digno do Gigante da Colina abrir mão de um jogo para prejudicar seu rival na fase de grupos.
Não é correto afirmar que o Fluminense jogou muito mais do que o time pode jogar, o time tricolor tem um elenco muito forte. Tem algumas falhas? Sim! Porém todos os times tem o seu ponto fraco. Acontece que o Flu já não jogava bem fazia um bom tempo. Até mesmo no fim do Brasileiro de 2011 o tricolor passou por alguns problemas na reta final.



O Vasco da Gama, entrou com um favoritismo justíssimo, pela campanha que fez, entretanto, este mesmo favoritismo pode ter prejudicado o time cruzmaltino. Jogo movimentado, como era de se esperar, digno de uma grande final, premiando os apaixonados torcedores presentes no Estádio Olímpico João Havelange.
Mas o futebol é emocionante pelos detalhes, e pelas curiosidades que envolvem o cenário. O Fluminense, que se classificou para as semi-finais graças ao fato do Vasco ter mantido seus 100% de aproveitamento na ocasião, não hesitou, como realmente não deveria hesitar, em jogar como se fosse o jogo de sua vida. E o final foi o que todos nós vimos, Fluminense dominando a partida, como um volume de jogo superior ao de seu adversário, sagrou-se Campeão da Taça Guanabara 2012, fato que não ocorria desde 1993.
Nos resta dar os parabéns ao Vasco por não ter lançado fora sua honra e ter jogado tudo o que tinha na fase de grupos, sem pensar em escolher adversário, nos orgulhando com a honra de um clube de sua grandeza. E claro, parabenizar o Fluminense pelo título merecido!

Grande Abraço.

Nenhum comentário:

Postar um comentário